Reiki: um método de cura por energia

Reiki: um método de cura por energia


Curas por energia são recentes aqui no ocidente, mas no oriente são práticas milenares e é de lá, do Japão especificamente, que o Reiki vem. Toda família tinha pelo

menos um curador e as aplicações eram rotina entre eles. Ao chegar por aqui muito se duvidou da técnica, e mesmo sem acreditar muitos percebiam seus efeitos e

foi isso que disseminou a técnica no ocidente.

  • “Rei” significa universal e faz referência a energia cósmica universal que permeia todas as coisas, que envolve tudo que existe.
  • “Ki” é a energia vital individual que flui em todos os organismos vivos, é a energia que os mantém.

Reiki, portanto, é o encontro dessas duas energias, energia universal e energia individual.


Sobre o método

É um método natural de recomposição energética, harmonização do equilíbrio energético, que tem por objetivo manter ou recuperar a saúde.

O Reiki pode ser utilizado para qualquer doença, e não apenas para doenças físicas, mas também para maus hábitos, distúrbios emocionais e mentais em geral.
Em outras palavras, o Reiki atua na totalidade do ser, nos corpos físico, emocional, mental e espiritual. Acelera a recuperação da saúde, gerando um estado de harmonia, promove calma e bem-estar.
A aplicação é feita somente com o toque das mãos do terapeuta, nenhuma outra ferramenta é necessária para a sessão.
Ao colocar a mão sobre o paciente, ou até ao olhar fixamente, o terapeuta transfere a energia REI para dentro do corpo do paciente, e então a energia age onde e da forma que for necessário para a cura.
A energia universal, portanto, funciona como instrumento de transformação de energias nocivas em benéficas, pois a energia KI, que é a energia pessoal, reconhece a energia REI como um padrão.
O terapeuta é apenas um canal para a energia ser transferida. Ele não repassa a própria energia ao paciente e o contrário também não ocorre, ou seja, a energia do paciente não passa para o terapeuta.
Ao receber uma aplicação de Reiki o corpo do receptor relaxa e a frequência cardíaca atinge seu nível de repouso, assim como diminui também a frequência respiratória.
Ao final da sessão, inclusive, alguns pacientes sentem-se como se estivessem acordando de uma longa noite de sono.
Recentemente foi reconhecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma terapia alternativa.


Os 5 princípios do Reiki

Mikao Usui, descobridor e receptor do Reiki, deixou cinco princípios, regras de conduta, que devem ser seguidos pelos praticantes dessa cura por energia.
Ele definiu esses princípios como um caminho para a felicidade, um mapa exato para a evolução espiritual do indivíduo.
Por esse motivo achei interessante compartilhar, porque ele pode ser praticado por todos, inclusive pelos não reikianos.
É interessante tentar recitar todos os princípios no começo do dia para que haja uma lembrança mental do que deve ser feito:

Em japonês:

“Kyo dake wa,

Okuru-na,
Shinpai suna,
Kansha shite,
Goo hage ne,
Hito ni shinsetsu ni.”

Em português:

“Somente hoje,

Não se zangue,
Não se preocupe,
Seja grato,
Trabalhe arduamente,
Seja bondoso.”


Confira as explicações abaixo:
Somente hoje — Relação com o aqui e agora. Tudo que você se propor a fazer esteja por inteiro.
1. Não se zangue — A raiva envenena o corpo e a mente e não fazem bem nem as pessoas que estão ao seu redor.
É apenas um sinal de que você está tentando nadar contra a natureza dos acontecimentos.
A maneira mais sensata de lidar com a raiva é reconhecê-la, observá-la e deixá-la ir, sem se identificar.
2. Não se preocupe — A preocupação é o segundo “veneno” do corpo e do espírito humano.
Seja o que for que tiver de acontecer, o futuro não depende das nossas preocupações
3. Seja grato — Gratidão transforma o coração.
É o melhor antídoto contra raiva e preocupações.
4. Trabalhe arduamente — Trabalhe arduamente sobre si mesmo, devotando o seu tempo ao crescimento espiritual, medite!
5. Seja bondoso — Seja gentil, carinhoso, compassivo com as pessoas, principalmente às próximas a você. E evite tudo que possa trazer sofrimento a você e aos outros.

Fonte: www.awebic.com

 

 

 



Comente isso! Comentar

  • Não existem comentários ainda, clique em comentar e seja o primeiro!